Folha de Fumo (tabaco)

0

Sabia que a folha de fumo é uma poderosa folha de descarrego e trabalhos de cura espiritual?

Vamos conhecer um pouquinho sobre o uso espiritual e mágico da folha de fumo (tabaco)?

Orixá: Principalmente, Oxalá. Adriano Camargo também a relaciona a Oxóssi e há quem a considere ainda uma folha de Obaluaê ou Ossãe.

Outros nomes populares: fumo, tabaco.

Nome yorubá: Ẹtába ou aṣá.

Nome científico: Nicotiana tabacum L., Solanaceae.

Elemento: Ar ou terra, a depender do autor.

Classificação: Quente ou frio, a depender do autor.

No candomblé, é usado nos rituais de iniciação e abô dos filhos de Oxalá, especialmente os da qualidade conhecida como Oxoguian. O fumo de rolo também pode ser usado em oferendas aos orixás Ossãe e Exu.

Na umbanda, na quimbanda e na jurema (catimbó), costuma ser fumada de diversas formas. Charutos são usados geralmente por caboclos, boiadeiros e exus. Cigarros comuns, por alguns exus, pombagiras e alguns malandros. Cigarros de palha, por pretos-velhos, baianos e marinheiros. Cigarrilhas, por pombagiras. Cachimbos, por pretos-velhos e mestres. Esses são apenas alguns exemplos, que podem sofrer variações de terreiro para terreiro e de entidade para entidade. Leia mais sobre esse uso na Enciclopédia de Matriz Africana.

Na umbanda, pode também entrar nas oferendas de caboclos, boiadeiros e alguns exus. Eventualmente, nas de outras entidades. Também pode ser usado para lavar as ferramentas de guias de esquerda.

Em banhos e defumações, é usada como poderosa folha de descarrego, sendo capaz de dissolver qualquer tipo de energia densa. Também é uma folha para trabalhos de cura espiritual, sendo capaz de recuperar os corpos espirituais que estejam feridos.

Utilizado como oferenda quando vamos para a matar, para pedir licença aos guardiões da mata e em agradecimento.

Segundo Adriano Camargo, em seu livro Rituais Com Ervas: banhos, defumações e benzimentos:

“Usa-se um pedaço de fumo de corda ao entrar na mata, como oferenda aos seres guardiões da natureza vegetal, pedindo licença e proteção para entrar e sair em segurança. Deixado na terra, no pé de uma árvore à esquerda de quem entra junto com um punhado de farinha de milho ou mandioca, ou simplesmente sozinho”.

Aprenda mais sobre o uso espiritual das plantas!

Gostou dessa explicação? Então saiba mais sobre o uso das ervas nas religiões de matriz africana no nosso ervário online. Clique aqui para acessar.

Contribua com o ervário do Caminhos do Axé!

Que tal contribuir com essa explicação? Se você acha que poderíamos incluir mais informações sobre o uso espiritual dessa planta, ou se acredita que tenha encontrado um erro, informe-nos pelo nosso formulário de contato. Clique aqui e nos mande a sua sugestão.

Girassol

Next article

Comments