Ervas

Inhame (cará)

0

Oferenda de Ogum, o inhame (cará) ajuda na abertura de caminhos e prosperidade

Vamos conhecer um pouquinho sobre o uso espiritual e mágico do inhame (cará)?

Orixá: Ogum e Oxalá (especialmente na qualidade de Oxoguiã)

Outros nomes populares: cará, inhame-da-costa, inhame-da-guiné-branco, cará-do-pará

Nome yorubá: Ewè iṣu (“fica de cabelo branco”)

Nome científico: Dioscorea rotundata Poir., Dioscoreaceae

Elemento: Terra

Classificação: Quente ou fria, a depender do autor

O cará é muitas vezes chamado de inhame, que também pode se referir a outro tubérculo, que não possui os mesmos usos espirituais. Portanto, é importante saber distinguir uma variedade da outra (veja a foto).

Esse tubérculo muito conhecido no Brasil é largamente adotado em Ifá, no candomblé e na umbanda para preparar as comidas de Oxalá (em especial, Oxoguiã) e, principalmente, Ogum. No caso de Oxalá, o cará costuma ser servido pilado, em raspas, em fatias ou em forma de bolas, mas sempre puro e sem tempero.

No caso de Ogum, é servido cortado na metade (longitudinalmente) e levemente assado, podendo ser temperado com dendê e mel e enfeitado por mariwô (que, no Brasil, costuma ser substituído por palitos de dente ou mesmo por moedas de uso corrente). Essa oferenda é muito usada com a finalidade de abrir caminhos e trazer progresso e prosperidade.

Na iorubalândia, a farinha do Inhame pode ser usada para propiciar o orixá Exú. Como essa farinha não é popular no Brasil, aqui esse elemento foi já há muito tempo substituído pela farinha de mandioca, popularmente usada nos terreiros, seja para o orixá, seja para as entidades conhecidas como exús e pombagiras. A mandioca assume um simbolismo similar, por ser também um tubérculo de forma fálica.

O inhame-cará também está relacionado à fertilidade e fecundidade (principalmente masculina, mas também feminina).

Aprenda mais sobre o uso espiritual das plantas!

Gostou dessa explicação? Então saiba mais sobre o uso das ervas nas religiões de matriz africana no nosso ervário online. Clique aqui para acessar.

Contribua com o ervário do Caminhos do Axé!

Que tal contribuir com essa explicação? Se você acha que poderíamos incluir mais informações sobre o uso espiritual dessa planta, ou se acredita que tenha encontrado um erro, informe-nos pelo nosso formulário de contato. Clique aqui e nos mande a sua sugestão.

Manjericão (de folha miúda e de folha larga)

Previous article

Noz moscada

Next article

Comments