Vídeos

Terreiro é alvo de intolerância religiosa e vandalizado no Paraná

0

O terreiro de candombé Ile Asé Ayra Kiniba, localizado em Colombo/PR, foi alvo de vandalização motivada por intolerância religiosa na última quarta-feira, dia 01 de julho. Quem informa é o babalorixá Jorge Kibanazambi, por meio de sua conta no Instagram. Mais informações e fotos foram informadas pelo Portal Batuque, na mesma rede social.

A fachada do templo foi pichada com a frase “Deus é maior”. Também foram deixados cartazes com frases de efeito com conteúdo de intolerância e ódio religiosos, além de racismo. “Para de roubar as ovelhas de Cristo como suas lives”, “Sangue de Jesus tem poder”, “faz uma live agora macumbeiro” e “Seu lugar é na senzala escravo do diabo” foram as frases escritas nos cartazes.

Além disso, ainda jogaram uma Bíblia no pátio do terreiro, provavelmente acreditando que isso causaria algum incômodo. Como disse o babalorixará em seu Instagram: “Eles jogaram aqui achando que iríamos achar ruim pelo contrário não temos nada contra. Só não precisa ser deste jeito.”

Caminhos do Axé se solidariza com o sacerdote babalorixá Jorge Kibanazambi, seus filhos de santo e frequentadores de seu terreiro. Infelizmente, essa é apenas mais uma demonstração de como pessoas desequilibradas conseguem usar o nome de Deus, de Jesus e da religião para promover o seu ódio.

Veja abaixo as fotos:

Descarrego simples de uma casa na força de Ogum Beira Mar

Previous article

Morre bisneto do fundador da umbanda, vítima de Covid-19

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *