Chamada de Exus

1.

Tem morador

De certo tem morador

Na casa onde o galo canta

De certo tem morador

2.

É mojubá, Seu Exú Rei é mojubá

Seu Tranca Ruas na kimbanda é mojubá

É mojubá, Seu Tranca Ruas, é mojubá

Seu Meia Noite no retorno é mojubá

É mojubá, Seu Meia Noite é mojubá

Exú Veludo na magia é mojubá

É mojubá, Exú Veludo é mojubá

Exú Caveira na calunga é mojubá

É mojubá, Exú Caveira é mojubá

Seu Marabô na trunqueira é mojubá

É mojubá, Seu Marabô , é mojubá

Seu Pinga Fogo na demanda é mojubá

É mojubá, Seu Pinga Fogo é mojubá

Seu Zé Pilintra lá nos trilhos é mojubá

É mojubá, Seu Zé Pilintra , é mojubá

O Exú Pimenta no terreiro é mojubá

É mojubá, o Exú Pimenta , é mojubá

Exú das Matas na macaia é mojubá

É mojubá, Exú das Matas é mojubá

É mojubá, todo Exú é mojubá

Laroyê Exú, inaê mojubá

3.

Lá porteira eu deixei meu sentinela

eu deixei seu _________________

tomando conta da cancela

4.

São sete sinos

Todos os sete já bateram

Onde está ___________

Que ainda não apareceu

Todo Exu já saravou

Todo Exu já curimbou

Onde está ___________

Que ainda não chegou

5.

Balança a figueira, balança a figueira

Balança a figueira, quero ver exu cair

Aonde está Exú _______________

que eu não vejo ele aqui

aonde está Dona ______________

balança a figueira pra ela cair

6.

Seu Marabô é mojibá

(Ina, Ina, é mojibá)

Seu Sete Catacumbas é mojibá

(Ina, Ina, é mojibá)

Seu Sete Caveiras é mojibá

(Ina, Ina, é mojibá)

Seu Exu das Matas é mojibá

(Ina, Ina, é mojibá)

7.

Ê, quimbanda, ê quimbanda

Terra da magia, do batuque e do canjerê

Terra da magia, do batuque e do canjerê

Eu vou bater tambor, eu vou bater tambor

Eu vou bater tambor para saudar ______________ (Reino, povo ou guia)

8.

Iansã que lhe deu força

É Rainha no Candomblé

Vamos saravá a Rainha

Pombagira, Exu Mulher

9.

Agora eu vou

vou mandar chamar meu povo

eu vou mandar chamar meu povo

lá das sete encruzilhadas

eu vou mandar chamar meu povo

sem Exú não se faz nada

10.

Cambono, segura a cantiga

Que está chegando a hora

Saravá toda a encruza

Exu é quem manda agora

11.

Quando Povo da Mata chamou

Todo meu povo chegou

Eu vi o Exu velho

no alto do chapadão

Comendo jaca madura

e jogando verde no chão

Comprei peixe, comprei sardinha

Olho de gato, pé de galinha

Aonde mora Exu?

Lá na figueira!

Chamada de pombagiras

1.

Arreda, homem, que aí vem mulher

Ela é a Pomba Gira, rainha do candomblé

Exu vem na frente pra dizer quem ela é

É uma velha feiticeira

Mandigueira é o que ela é

2.

Aê pombo-girê, Aê pombo-girá

Aê pombo-gira, vamos trabalhar.

Aê pombo-girê, Aê pombo-girá

Leva as quizilas dessa casa pro lado de lá!

3.

Ô, Malelê, malelê

Malelê, maleleuá

Maria Padilha é de malelê!

Ô, Malelê, malelê

Malelê, maleleuá

Pombagira Cigana é de malelê!

Ô, Malelê, malelê

Malelê, maleleuá

Rosa Caveira é de malelê!

4.

Aê, olha a pombagira, girê

Aê, olha a pombagira, girá!

5.

Tala-tala é de pombagira

É de pombagirê para que eu caia

6.

Ô, pombagira, eu preciso de você

Ô, pombagira, eu preciso de você

Vamos jogar o jogo da amarelinha

Se eu perder, você me ganha

Se eu ganhar, você é minha

7.

Olha Pomba Gira girou

Olha a Pomba Gira gira

Ela é mulher de 7 Exus

A Pomba Gira vai trabalhar